Palácio Mirabell @ana.marmo

O que fazer em Salzburgo, Áustria

O que fazer em Salzburgo, Áustria:

Na nossa trip para a Oktoberfest em Munique (Munich) na Alemanhã, alugamos um carro e fomos conhecer Salzburgo, na Áustria. Já que fica na fronteira com a Alemanha (a 150 km de Munique)  e com certeza vale muito a pena visitar a cidade natal de Mozart.

O sentimento de estar na casa onde um dos maiores compositores de música clássica do mundo deu à luz a sua criatividade e seu dom musical é algo maravilhoso. Principalmente para mim, que toco piano e sou acostumada desde criança com as partituras de Mozart!

Salzburgo foi uma das cidades mais lindas que visitei, o lugar respira cultura e música, muita música. Não só por ser o berço de Wolfgang Amadeus Mozart, mas também por ter sido o cenário do filme A Noviça Rebelde (The Sound of Music) um dos maiores musicais da história.

Rio Salzach @ana.marmo
Rio Salzach @ana.marmo

Chegamos em Munique, saindo de Dubai com a Emirates Airlines. Pousamos a tarde no Aeroporto Internacional Franz Josef Strauss (MUC). Alugamos um carro na Avis Rent a Car no aeroporto mesmo.  Decidimos ir direto para Salzburgo pois dias antes do início da Oktoberfest na Alemanha. Tinha uma prévia da festa na Áustria e resolvemos conferir.

Dirigimos até Salzburgo e chegamos lá a noite. Não foi difícil achar um lugar pra ficar (diferente de Munique onde todos os hotéis já estavam completamente lotados por causa da Oktoberfest).

Na manhã seguinte deixamos o carro no hotel e fomos passear pela cidade a pé mesmo, dá para conhecer o centro histórico em uma caminhada gostosa.

O primeiro lugar que visitamos foi a casa de Mozart,  na Getreidegasse, que é uma rua comercial famosa na antiga Salzburgo. Existe uma lei em Salzburgo que para um estabelecimento ser reconhecido com uma loja comercial este deve pendurar uma placa de ferro na frente, o que faz essa rua ser única.

Casa de Mozart
Casa de Mozart

E lá está ela, no número 9, a casa de Amadeus Mozart um tanto modesta porém com um jardim muito aconchegante. Na entrada da casa vemos uma placa com a planta da casa e a divisão dos dormitórios. Conhecemos os quartos, o piano e a parte externa da casa. O ambiente não impressiona muito, mas como falei acima, o sentimento de estar na casa onde Mozart viveu até os 17 anos é inexplicável.

Casa de Mozart @ana.marmo
Casa de Mozart @ana.marmo
Casa de Mozart @ana.marmo
Casa de Mozart @ana.marmo
Casa de Mozart @ana.marmo
Casa de Mozart @ana.marmo

Saindo da casa de Mozart fomos em direção à ponte que cruza o Rio Salzach no Centro Histórico, completamente preservado cheio de prédios históricos, chalés e cafés antigos.

 

Getreidegasse
Getreidegasse

Não é a toa que o Centro Histórico de Salzburg é Patrimônio da Humanidade da UNESCO. Da ponte já dá para ver a  Fortaleza de Hohensalzburg, um castelo guardando a cidade do alto da montanha de Festungsberg. É um dos maiores castelos medievais da Europa.

Fortaleza de Hohensalzburg
Fortaleza de Hohensalzburg

Caminhando pela Getreidegasse vemos Mozart em todos os lugares. Lojas de chocolate e cafés esboçam o seu retrato em chocolates, relógios, pratos e quadros.

Getreidegasse @ana.marmo
Getreidegasse @ana.marmo
Getreidegasse
Getreidegasse

Chegando no centro de Salzburgo, podemos ver a Praça da Residência (Residenzplatz). Nesta praça da Cidade Antiga fica dois Palácios de Bispos. Onde acontece eventos culturais e musicais. Sua arquitetura é barroca e renascentista.  No centro da Praça está a Fonte da Residência (Residenzbrunnen), onde a noviça rebelde canta no filme.  Em dezembro acontece uma feira de Natal por lá. A praça fica toda colorida e você pode comprar enfeites natalinos alpinos, beber um bom vinho e provar a culinária local.

Salzburgo. Praça da Residência
Salzburgo. Praça da Residência

Saindo da Getreidegasse, atravessamos a ponte para pedestres Makartsteg e caminhamos até o Palácio Mirabell (Schloss Mirabell) e seus maravilhosos jardins.  O Palácio fica na margem leste do Rio Salzach. Ele é um dos locais para Casamento mais cobiçados do mundo e foi construído como uma prova de amor em 1600 de um Prícipe arcebispo para a sua amada. O lugar realmente é muito romântico.

Jardins do Palácio Mirabell
Jardins do Palácio Mirabell
Palácio Mirabell @ana.marmo
Palácio Mirabell @ana.marmo

Os jardins do Palácio são verdadeiras obras de arte e fazem a foto perfeita com o Palácio ao fundo. Os jardins também foram palco da Noviça Rebelde, além de ter sido o lugar onde Mozart se apresentou com a sua irmã. As Orquestras Filarmônicas de Viena e Berlim sempre fazem apresentações por lá.

Palácio Mirabell @ana.marmo
Palácio Mirabell @ana.marmo

Para ter uma vista da Cidade Antiga e do Rio Salzach, é possível visitar os Monastérios da Montanha de Kapuzinerberg.

salzburg-austriamarmooutdoors

Para chegar até lá há dois caminhos: o Linzergasse e o Imbergstiege.  No caminho de Linzergasse estão as seis estações da Via Cúcris que simbolizam a Paixão de Cristo.  No meio da trilha tem um monumento em homenagem à Mozart (dizem que é o lugar exato onde ele compôs A Flauta Mágica).  No fim da trilha fica o Portal de Félix onde se tem uma vista espetacular da cidade.

Cidade Antiga
Cidade Antiga

O outro caminho de Imbergstiege é uma escadaria que leva até os Monastérios e no topo da montanha fica a Franziskischlössl, uma taberna pra almoçar e tomar um chopp típico austríaco.

Indico a Edelweiss Hefetrüb Weiβbier, a cerveja de trigo mais famosa da Áustria.

Após este tour fantástico pela linda cidade de Salzburgo seguimos até a Mini Oktoberfest, próxima à Getreidegasse.

img_0880 img_0881

Foi muito bom, lá tinha várias lonas (no estilo dos pavilhões da Oktoberfest) com muito Chopp, salsichão com repolho e danças típicas! Foi um esquenta antes de ir pra verdadeira Oktoberfest em Munique! Prost!

Salzburgo
Salzburgo

img_0896

 

 

 

 

 

Please follow and like us:

2 opiniões sobre “O que fazer em Salzburgo, Áustria”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *